sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Receita de ano novo

Postado por Nidiane Latocheski às sexta-feira, dezembro 31, 2010
Reações: 
0 comentários


Receita de ano novo  - Carlos Drummond de Andrade
 

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo
até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens?
passa telegramas?)
 

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumidas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.
 

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.
 

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Música de Brinquedo

Postado por Nidiane Latocheski às quarta-feira, dezembro 29, 2010
Reações: 
0 comentários


Que gracioso o disco da banda Pato FU, Música de Brinquedo. Nossa! Estou maravilhada pela ideia. Selecionaram clássicos da música pop para tocarem com todos os instrumentos de brinquedo. Lançaram um site em Maio desse ano, intitulado Pato Fu. Confira você também as 12 músicas gravadas.
Lá no site, também é possível baixar os papéis de parede. Eu escolhi essas duas imagens.



Imagem da capa do cd

Solidariedade em tempo

Postado por Nidiane Latocheski às quarta-feira, dezembro 29, 2010
Reações: 
0 comentários
No Natal e festas de fim de ano, é comum a solidariedade das pessoas. Para algumas, são só pontuais. Mas, conheço pessoas que o fazem constantemente. Uma delas é a professora Cidinha Barbosa, colega muito dinâmica, da escola em que trabalhei, Escola Estadual Álvares de Azevedo

Durante o ano letivo, ela monta projetos de Campanhas, arrecadação de produtos alimentícios e brinquedos para famílias carentes, entre outros.

Em 2010, teve apoio dos Abutre's de Vilhena, no dia das crianças e agora no Natal, a escola também se empenhou para as doações de Cestas Básicas. Uma das nossas parceiras proporcionou com alunos dos 3ºs anos algumas cestas. Trata-se da prof. Lucineide, que está indo embora para Ji-Paraná, onde continuará brilhando nas salas de aula por lá.
folder da campanha
prof. Cidinha e alunos entregando cestas


 
organização para a entrega das arrecadações



Fotos retiradas do álbum pessoal, no orkut da professora Cidinha.


do blog da Prof. Ilcy

No Sesi Vilhena, houve uma gincana para arrecadar alimentos a serem doados. Ao lado, a turma vencedora, 7º A.






Na minha investida, durante a pesquisa sobre o Natal solidário em Vilhena, encontrei um blog Natalsolidáriovha.O que mais gostei de ler por lá foi:  "O espírito do Natal Solidário precisa continuar durante o ano todo..." É isso mesmo, necessidades são constantes entre todos.
do blog Natal Solidário Vilhena
do site do IFRO
O IFRO (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia), Campus Vilhena, realizou no dia 15/12, a entrega de cestas de alimentos e brinquedos para a ABCESE (Associação Beneficente Cultural e Educacional Sete Estrelas). A atividade fez parte do Projeto Natal Solidário desenvolvido, entre novembro e dezembro no Campus.







TÔ muito feliz pelas iniciativas  solidárias em Vilhena. Parabéns a todos os idealizadores das campanhas!! 

Sei que meu trabalho é uma gota no oceano, mas sem ele, o oceano seria menor. 
Madre Teresa de Calcutá

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Última semana do ano...empanturrados!!

Postado por Nidiane Latocheski às segunda-feira, dezembro 27, 2010
Reações: 
1 comentários
Comilões
Nossa! Tinha me esquecido o quanto se come nas festas de fim de ano.. qnta comilança!! Ficamos todos muito empanturrados..só guloseimas deliciosas.. panetone, uvas, pêssego, ameixa, churrasco, salpicão, farofas, perus, biscoitos, cucas, etc.. Na noite de Natal, devoramos parte de uma pizza por aqui, regada à champagn,coca cola e vinho.. até o Léo acordou e entrou na dança.. hehe. No almoço de ontem, muita comida gostosa na casa da D.Marta, inclusive um bom vatapá, que não deu pro cheiro..rsrs




Celeuma!
 Mas, o mais legal é reencontrar os queridos..juntar as crianças pra fazerem algazarra!! Aliás, pra tirar uma foto com os cinco foi o maior sacrifício, quando um tava pronto, o outro mexia..tooodas saíram tremidas.. as melhores não saiu com todos..
delícia de água!!


todo empolgado com a cabeleira

lindos!!

sorrisão lindo, ítallo

felicidade da titia!!

q lindinho!!

pedro, ei!!

caduuu! ei, psiu!

os três maninhos..

gente, q dificuldade!! vcs não param!!


quantos anos vc tem??
q carinha linda!!

O gorduchinho descansando!! Que caloooor!!

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Feliz Natal

Postado por Nidiane Latocheski às sexta-feira, dezembro 24, 2010
Reações: 
3 comentários
É inevitável a afirmação: Dia tão marcante para todos. Para quem faz ceia, , festeja com a família, troca presentes, lembra do nascimento de Cristo, um tipo de energia.. Mas, para aqueles que não conseguem realizar seus sonhos por um motivo ou outro, Natal é símbolo de tristeza, de injustiças sociais, de miséria, fome...Quando vejo a Globo realizando apenas alguns sonhos, penso nisso!!

Em nossa família, convivemos com vários pensamentos e ações dos familiares nesta data. Por parte dos meus pais, na infância, fazíamos biscoitos para o Natal, armávamos a árvore, enfeitávamos, tínhamos presentes embaixo dela, íamos à missa de Natal, mas não tínhamos a consagrada ceia natalina. Na verdade, íamos a alguma ceia de amigos, muito raramente. Em toda a minha vida participei de poucas... Mas, na virada de ano sempre comemoramos com muita festa, chopp (lembro dos enormes barris que o pai comprava), dividíamos com os familiares e vizinhos mais próximos...

Os pais do meu marido, comemoravam com ceia, mas as lembranças não são muito boas..(motivos particulares dele). Mas, a partir do batizado da sogra, que é Testemunha de Jeová, ela passou a não comemorar nenhum aniversário, portanto, o Natal não é nenhum dia especial..Já nos reunimos muitas vezes nesse dia, sem desejar o Feliz Natal. O combinado é respeitarmos as escolhas..sempre!

Aqui em casa, nesse ano, abandonei o presepiozinho antigo e montamos a arvorezinha  minúscula, de madeira. Comprei o ano passado, quando fui à Brasília. Ela está na sala, no espaço da estante destinado às miniaturas..

Já combinamos que não damos presentes em datas comemorativas ou incentivadas pelo comércio, nos presenteamos sempre que possível e várias vezes ao ano, mas sem obrigação.. conquistamos nossos desejos "consumistas" em família, elaborando as listas de prioridade. E somos felizes!!
Mas, ainda assim FELIZ NATAL a todos!!

Na casa da tia Lucinha esse ano, as meninas fizeram uma reviravolta, "limpando" o ambiente da poluição visual.E para a decoração de natal, amei a ideia de uma escada com os enfeites:

Amanda encantada com a escada.. pena q usei o flash e não temos a luminosidade dos piscas..
Enfeite de porta

 no detalhe, os nomes da Sara e do Mateus...
Garrafa pet para a borda da bota, para segurar os presentinhos...
Obra da grande Prof. Lorita, sogra da Joice.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

ProTeste - vc conhece??

Postado por Nidiane Latocheski às sexta-feira, dezembro 17, 2010
Reações: 
0 comentários
Como se diz: "nada como um dia após o outro". Hoje, já tô bem animada e com mais vontade!! Graças ao apoio de vcs também, Jefh e Doralice. Obrigada por me lembrarem que aqui é momento de felicidade, de desobrigação e sobretudo de registro para a posteridade...


 
Bem, se vc não conhece fique sabendo que essa associação nos auxilia muito!! Tive vontade de escrever sobre isso, porque dei um depoimento para uma blogueira indecisa numa compra de um celular. Aí lembrei que é  comum nos confundirmos quanto às marcas e principalmente quanto à qualidade real dos produtos... 
Felizmente, há empresas nas quais podemos confiar!! A revista PROTESTE sempre está em minha casa, mensalmente. Além de fazer os testes dos mais diversos produtos, ainda nos indica a "escolha certa" na hora da compra, sem medo de anunciar as melhores e piores marcas. Para quem é assinante, a equipe conta com acessoria jurídica e administrativa para eventuais consultas ou representações. Particularmente, já precisamos aqui em casa e fomos muito bem atendidos e orientados.
Confira vc também as vantagens da revista!

A PRO TESTE - Associação Brasileira de Defesa do Consumidor conta hoje com mais de 200 mil associados, constituindo-se na maior associação de consumidores de toda a América Latina.

A PRO TESTE é uma entidade civil sem fins lucrativos, apartidária, independente de governos e de empresas, e tem como objetivo A DEFESA DO CONSUMIDOR NO BRASIL.

Para atingir essa meta, a PRO TESTE atua em várias frentes. Ajuda o consumidor a fortalecer seu poder de compra e a conhecer seus direitos com os testes comparativos e outros artigos publicados em suas revistas; orienta o associado sobre os direitos do consumidor em seu serviço de orientação; intermedeia, se preciso, as pendências que o associado tem com fornecedores que se recusam a atendê-lo; e encaminha a empresas e governos as reivindicações e propostas pertinentes.

FONTE:  site da ProTeste

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Sem assunto...

Postado por Nidiane Latocheski às quarta-feira, dezembro 15, 2010
Reações: 
3 comentários
Nem sei se deveria postar isso, mas ando muito sem assunto!!
Ao mesmo tempo há tanto em dizer, em criticar, sugerir. Mas, tenho sentido ausência de palavras, frustração em perceber nas estatísticas o quanto a página é visitada, porém, muito poucos são os que interagem... chega um ponto em que perde-se a motivação, o foco..
Sinto-me rodeada de pessoas, visitantes on line, porém, sozinha em minhas divagações...
Pelo que li em mtos blogs, há momentos em que sentimos isso... em que parece que mais nada virá à mente para escrever, parece ainda que não faz sentido manter um blog, etc..

Vou deixando umas palavrinhas do senso comum: "logo, logo passa.."; "nada como um dia após o outro"; "podemos estar entre mil pessoas e ainda assim nos sentirmos sós.."
                                                           Imagem tirada do site 4bp

domingo, 5 de dezembro de 2010

Aquele abraço

Postado por Nidiane Latocheski às domingo, dezembro 05, 2010
Reações: 
2 comentários

A Terapia do Abraço – Autora: Kathleen Keating
Trata-se de um livrinho bem leve, com vários argumentos favoráveis ao bom e gostoso abraço. Esse serve de apoio moral, afeto, amor, amizade, além de contribuir à prevenção e até cura de muitas doenças.
A autora Kathleen Keatings confirma a teoria e estimula a todos para fazer a terapia do abraço sempre.
Conheci o livrinho em 1998 e lembrei dele há algum tempo ao ler no blog do jefcardoso o seguinte texto:

Um Abraço


No enlace de um abraço,
O cheiro que sente no peito afagado,
O calor que dissipa da sua roupa,
Algo se desprende de tua alma;
Palavra mutua que se diga ao pé do ouvido,
Quase nunca é inteligível.

Apure o sentido tátil e olfativo,
Firme-se no enlaço desse abraço,
Tenha por um momento um tronco amigo;

 Seja senhor e cativo,
Viva na prisão de um eterno abraço,
 E sinta a matéria do espírito:
Abrace forte, abrace com carinho!

“Imploda” no enlaçar do abraço,
Estremeça neste bom amparo,
Sustente e seja sustentado,
Perdoe e seja perdoado,
Amarre bem amarrado,
E abrace novamente apaixonado.

Que o abraço lhe sufoque,
Sua alma ele toque;
Ainda que venha regado em densas lágrimas:
Acolha e seja acolhido.
Abraço intenso que mate uma saudade,
Recomponha e proteja a alteridade.

Abrace a mãe, o pai, e o filho;
Venha de mansinho,Abraço de bicho preguiça.
Abraços comoventes, comovidos, condolentes e condoídos.
Viva na eternidade de um abraço inesquecível,
Sinta o bem de sentir quem se tem;
Como é bom poder abraçar alguém!!!

Abrace o teu bem, para o teu próprio bem:
Liberte-se nesta prisão de outrem,
Seja eterno e eternize, enfim:
Bom pra você e bom pra mim,
Mas nunca, nunca participe de um abraço fingido;
Colha o do urso, porém, do rato e da serpente, se desvie


Comemore este momento de vitória,
E seja o apoio no fracasso.
Cumprimente e seja cumprimentado,
Console essa dor de perda que quase mata;
Sufoque uma solidão,
Prove o sabor da sinceridade.

Abrace a tua causa, tua peleja, tua gloria;
E que este abraço enriqueça a tua estória.
Abrace como se não houvesse mais ninguém;
Corra para o abraço e largue todo enfado:
Como criança abrace feito carrapato,
E com o abraço da jibóia, muito cuidado!

Para mim e para você: aquele abraço!!!



Por Jéferson Cardoso de Matos. 

sábado, 4 de dezembro de 2010

IV LEITURAVIVA na Praça

Postado por Nidiane Latocheski às sábado, dezembro 04, 2010
Reações: 
0 comentários
Autora homenageada em nossa escola
 
Esse é um dos eventos mais significativos em relação à leitura em Vilhena. Aconteceu num sábado (21/08) na praça Genival Nunes (do Shopping). O tema desse ano foi: Leitura & Leituras: possibilidades de sedução e encantamento.

E foi o que realmente pudemos prestigiar.. excelentes ideias de fomentar a leitura. Apesar de nem todas as escolas de Vilhena terem suas Salas de Leitura funcionando, as escolas demonstraram que têm equipes unidas e interessadas em divulgar seu trabalho.Os sites de notícias também divulgaram essa Festa da Leitura: Folha de Vilhena
           Correio de Notícias on line     





 ideia genial para reaproveitar caixas de leite
 

E chegou o fim do ano!

Postado por Nidiane Latocheski às sábado, dezembro 04, 2010
Reações: 
0 comentários
Dezembro, mês 12,  celebramos: fechamento do ano letivo, recuperações, exames (nesse ano escapei, graças ao Léo), confraternizações, amigo secreto, Natal, Revellion, reflexões, planos...Creio ser o mês em que mais temos motivos para comemorar.. 
Para muitos, tempo de sentir saudade, tristezas. Geralmente, ao lembrarmos da infãncia, Dezembro está mto presente, seja pelos momentos felizes ou seja por 'coisas', 'itens', 'pessoas', dos quais estão ausentes.
Minhas lembranças são povoadas de momentos em família, que não voltam mais.. estranho saudosismo.."são lembranças que o tempo não pode mudar" (Restart. kkkkk)
É isso... 
que esses dias possam ser lembrados com alegria, no futuro!!
 

Blog da Nidi Copyright © 2010 Designed by Paulinha Lobato